Pátio bem largo com a igreja e o museu lado a lado. A Igreja tem apenas uma torre.

Pátio do Colégio: a história de São Paulo se inicia aqui

 

No centro de São Paulo, vemos a história da cidade passar por nós. Porém, toda história tem um começo e a da terra da garoa começa no Pátio do Colégio.

igreja é modesta e o museu ao lado é simples, se visto pelo lado de fora. O que mais marca ao se ver pela primeira vez, é o contraste da cidade que conhecemos com a construção que parece do interior.

O que dizer daquele pátio enorme com o piso liso? É bonito, é diferente, muito aberto e tem um ar de calmaria. Diferente do restante da cidade.

O Pátio faz parte do circuito histórico e está bem perto da Praça da Sé, onde tem o Marco Zero, a Catedral da Sé e sua Cripta.

Eu de costas olhando para a Igreja São José de Anchieta do lado de fora, no Pátio do Colégio
Igreja São José de Anchieta e o Pátio do Colégio

No dia que fui, o Pátio do Colégio estava dominado por alguns garotos andando de skate. O chão liso é um atrativo e tanto. Alguns turistas também circulavam. Minha amiga e eu éramos uns desses turistas curiosos e aproveitamos para conhecer melhor a região.

 

História do Pátio do Colégio

A primeira construção de São Paulo, a escola, foi erguida com pau a pique e folhas de palmeira, onde hoje  é o Pátio do Colégio.

No dia 25 de janeiro de 1554 foi celebrada a primeira missa do colégio jesuíta. O dia coincide com a data de conversão do apóstolo Paulo, daí o nome da cidade de São Paulo. Naquela época o Padre José de Anchieta  ainda era um noviço.

Dois anos depois, foi construído um colégio para os jesuítas ao lado da primeira casa. Porém, anos depois foi erguida uma nova a base de taipa de pilão e pedra. Ela então se tornou o Palácio dos Governadores entre os anos de 1765 e 1908. Isso tudo, após a expulsão dos jesuítas do local.

Finalmente, o Pátio do Colégio se tornou a Secretaria da Educação entre 1932 e 1953 para em seguida se tornar o que é hoje.

 

O que tem no Pátio do Colégio

  • Café do Pateo: localizado no jardim do Museu Anchieta é um super tranquilo no meio da agitada SP;
  • Biblioteca Pe. António Vieira: é uma biblioteca privada com obras especializadas na História da Companhia de Jesus e da cidade de São Paulo;
  • Igreja São José de Anchieta: com mais de 400 anos de história, ganhou esse nome após o Padre José de Anchieta se canonizado pelo Papa;
Dentro da Igreja de São José de Anchieta, tem os bancos e no fundo a cruz com o altar
Igreja de São José de Anchieta
  • Museu Anchieta: contém arte sacra para relembrar a cidade de São Paulo nos seus primórdios e o papel dos jesuítas;
Porta de entrada do Museu Anchieta, há duas pessoas na porta e uma mulher na saída, já no Pátio do Colégio.
Museu Anchieta
  • Sino Marco da Paz: sino que representa a paz no mundo, pois foi um sino que ecoou pela Europa anunciando o fim da 2ª Guerra Mundial. Há esse sino em várias partes do Brasil e do mundo;
Uma estrutura em forma de porta arqueada com o sino em cima centralizado. Eu estou sentada embaixo do sino.
Sino Marco da Paz

 

Gostou? Já conhece o Pátio do Colégio? Não deixe de comentar aí embaixo com sua opinião!

 

Desenvolvedora de aplicativos, leitora de romances históricos e fantasias, apaixonada por animais, voluntária de abrigos para cães e gatos e viaja para escrever mais e incentivar outros a fazerem o mesmo.

Deixe uma resposta

2 comentários para “Pátio do Colégio: a história de São Paulo se inicia aqui”