Uma lancha navegando pelo mar de Furnas em Capitólio

O que fazer em Capitólio em um final de semana?

Capitólio, a cidade do Mar de Minas deixa qualquer um de boca aberta e comigo não poderia ser diferente. Fiz apenas um bate-volta para esse lugar maravilhoso porém, terminei o dia na certeza de que precisaria voltar. De preferência ficando bem mais tempo para conhecer tudo o que for possível.

De cachoeiras a trilhas, a cidade atrai turistas de todos os tipos, famílias inteiras, casais, jovens querendo curtir. Ninguém resiste a querida Capitólio.

O que fazer em Capitólio

Passeio no Lago de Furnas

Há muitos lugares para ir na cidade mas o passeio de barco pelo Lago de Furnas o é o principal passeio turístico por lá. Tem de vários tipos e de horas diversas mas o mais comum é o de 2h30, que eu pessoalmente me arrependi pois achei pouquíssimo tempo no fim das contas.

Nesse passeio o barco passa pela Lagoa Azul, que na verdade possui águas verdes extremamente claras! Com um bar flutuante e uma singela cachoeira o lugar é incrível mas, pasmem: no passeio você só pode ficar 20 minutos por lá!

Rio de águas verdes que se chama Lagoa Azul, cercado pela mata com uma pequena cachoeira em Capitólio
Se chama Lagoa Azul mas na verdade é verde hahahaha

A segunda parada é no cartão posta de Capitólio: os Cânions!

Eu olhando para a cachoeira mais alta do Mar de Furnas, nos Cânions em Capitólio.
Pessoalmente isso aqui é de cair o queixo

Quando o barco começa adentrar pelos cânions não tem como segurar o queixo pois é extremamente lindo! A cachoeira principal é muito grande porém a única coisa que você quer fazer é se jogar no “mar”. Agora para a nossa tristeza, podemos ficar por aqui apenas 30 minutos e se quiser passar mais perto da cachoeira, é apenas questão de sorte. Pois há muitos outros barcos e lanchas fazendo o passeio também e só alguns acabam passando pela cachoeira por questão de tempo. Como são 2h30 de passeio não dá para ficar esperando a vez para tentar passar pela cachoeira. Isso serve também para a segunda cachu que tem por perto.

Já na próxima (e última!) parada ninguém mais poderá sair do barco, será apenas uma visita para admirar o lugar. Conhecido por Vale dos Tucanos, a entrada dá acesso a uma cachoeira que só dá para visitar se não estiver raso, ou seja, vá no verão.

Consegue ver o formato de um coração formado pela posição das pedras?

Passeio de lancha por 2h30: R$70

 

Trilha do Sol

Se quer ainda fazer uma trilha de nível fácil que leva ainda a mais 3 cachoeiras e pequenos cânions, então você precisa conhecer a Trilha do Sol.

Com 4km de extensão, a trilha é auto guiada o que significa que não precisará de guias pois ela é bem sinalizada. Basta prestar atenção nas placas e seguir seu caminho a felicidade. Essa felicidade possui três nomes: Cachoeira do Grito, Cachoeira do Poço Dourado e Cachoeira No Limite.

Se quiser saber mais recomendo a matérias do blog Viagens e Caminhos que tem tudo sobre essa trilha!

 

Mirante dos Cânions

Eu sentada no mirante vendo uma pequena lancha navegando no mar de Furnas

Provavelmente você já deve ter se deparado com a foto do famoso Mirante dos Cânions. Talvez foi até o que te motivou a procurar mais sobre Capitólio, felizmente ele é tudo isso mesmo!

Esse mirante tem uma vista maravilhosa dos cânions do Lago de Furnas. Com certeza você vai querer tirar muitas fotos, só recomendo muito cuidado! Pois é bem alto e não possui proteção.

 

Paraíso Perdido

Se nadar em piscinas naturais, não deixe de conhecer  um dos destinos mais procurados: o Paraíso Perdido. Infelizmente precisará de carro para ir até o paraíso pois fica a 40km de Capitólio e é um dos motivos de eu querer voltar em breve.

Com 18 cachoeiras para todos os tipos de pessoas o local tem monitores, estacionamento, restaurante e área de camping.

Agora preciso recomendar, em Minas Gerais há Ibitipoca que é um parque estadual repleto de cachoeiras!

Entrada: R$40

Camping: R$40 levando barraca ou R$50 usando a barraca do local

 

 

Deixe uma resposta